Maquiagem da MAC é boa? Resenha, Produtos, Review!

Publicidade

BREVE HISTÓRIA DA MARCA

A M.A.C. sigla para Make-up Art Cosmetics, foi criada em 1984, na cidade de Toronto, Canadá, por Frank Toskan, Frank Angelo e Vic Casale, respectivamente, maquiador e fotógrafo, um empresário, dono de uma rede de salões de beleza e um químico, cunhado do empresário, porém os holofotes só começaram a se voltar para a marca, em 1986.

O começo não foi fácil, utilizavam uma mesa de cozinha e criavam produtos diferentes, com outras cores e ofereciam a amigos que trabalhavam no mundo da moda.

Seu crescimento se deu da forma mais convencional possível, o melhor marketing de todos, o boca-a-boca, envolvendo maquiadores, fotógrafos, até ganhar o mundo.

A PROPOSTA DA MARCA

Sendo uma marca de vanguarda, ela lança tendências se tornando a queridinha dos maquiadores e o sonho de consumo de muitas mulheres. Infelizmente, ela não é para qualquer bolso.Seu custo é alto.

Sempre ousando, a marca não hesitou em chamar a Drag Queen Ru Paul, para ser a primeira garota-propaganda da marca, deixando claro que sua maior preocupação era a quebra de padrões dos modelos até então engessados da época.

A valorização era a da liberdade de criar e ao mesmo tempo, lançando mão de tudo o que causava controvérsia e polêmica. A M.A.C. trouxe um novo frescor ao mundo da moda.

Não demorou muito para que a marca alçasse vôos ainda mais altos. De 1986 até 1990, era utilizada por trás das câmeras, nos camarins dos grandes maquiadores. Mas em 1990, nada menos que a diva Madonna se declarou fã da marca, transformando um de seus batons, o Russian Red, num dos mais procurados, virando febre.

A CHEGADA AO PÚBLICO

A marca finalmente entrou nos EUA em 1991, num bairro bem eclético de Nova York, sendo que anteriormente era vendida apenas numa luxuosa loja de departamentos, também em Nova York.

Dessa forma, foi a primeira marca profissional a cair nas mãos das consumidoras. A riqueza das cores, a beleza simples de suas embalagens, remetendo a um visual minimalista ganhou espaço nas prateleiras, com o democrático lema Todas as Idades, Todas as Raças, Todos os Sexos.

A MARCA NO BRASIL

Em 2002, a marca finalmente chega ao Brasil inaugurando sua primeira loja num shopping da elite paulistana, o Iguatemi. Durante o tempo foi abrindo outras lojas em solo brasileiro e teve até mesmo uma diminuição em seus preços. Claro que isso não permitiu que todas tivessem condições de possuir a marca, contrariando o seu slogan, pois aqui ainda não é para todos.

Sim, para ela não existe, diferenças entre idade, raça e sexo, mas existe a diferença sócio-cultural.

GAROTA PROPAGANDA BRASILEIRA COM A CARA DA MARCA

No Brasil, apenas uma pessoa poderia ser a garota-propaganda da marca, a modelo, apresentadora e publicitária, Julia Petit, reconhecida por também lançar tendências. Julia, pode ser considerada um ícone da moda no Brasil. Vanguardista, é considerada uma das pessoas mais elegantes da sociedade paulistana.

O filme da marca, no Brasil, mostra Julia, sendo maquiada com cores vibrantes, num vestido em renda transparente, tendo ao fundo uma mistura da exuberante natureza brasileira a um cenário urbano tipicamente paulistano. Julia, tem inclusive uma linha da marca com sua assinatura.

O próprio texto que ilustra a marca remete Julia no mesmo universo da marca: seja destemida e exótica, ou clássica e recatada, a atitude ousada de Julia Petit, a transformou em ícone de beleza e em uma musa do universo online.

A M.A.C. E A SOCIEDADE

Para contribuir com o meio ambiente, a marca estimula o consumidor a devolver as embalagens quando o produto acaba, dando outro no lugar. Isso faz parte do respeito à biodiversidade.

Além desse incentivo com relação ao meio ambiente, a M.A.C criou em 1994, o Fundo M•A•C para Aids. Toda a linha Batom Viva Glam, tem seus lucros revertidos em recursos para ajudar as vítimas e portadores do vírus da AIDS no mundo todo.

E mesmo com todos os seus produtos, seu sucesso e projetos, ela não veicula propagandas através de nenhuma mídia, fora quando é assunto de alguma revista que fala do assunto ou através de blogs de beleza. Sua maior propaganda continua sendo o boca-a-boca, numa atitude positiva ao provar que inovar é importante, mas sem no entanto, desprezar aquele que compra e que pode melhorar as vendas através dos seus clientes. Um velho costume que ainda é um valor.

ALGUNS PRODUTOS CHAVES DA M.A.C.

  • Os cílios postiços 30, M.A.C., R$59,00, tem em três comprimentos diferentes para que você possa escolher do visual dramática ao discreto.
  • M.A.C. sombra: com textura híbrida de pó te líquido, reflexos prismáticos em 10 cores cintilantes. O efeito varia de um leve cristalizado até um efeito metálico.
  • Batom Viva Glam Rihanna: três tons de vermelho com acabamento cintilante. Cores super elegantes e intensas.
  • Sombras M.A.C. nas cores: marrom, ocre e perolado para iluminar os olhos livres de efeitos carregados e esfumados
  • Base M.A.C. (códigos NC 15/NC 20): para uma maquiagem leve, preservando a pele aveludada.
  • Air brush (aerógrafo): o segredo é usar base líquida para cobrir a pele. Um bom exemplo para pele morena clarinha, é a cor W35.

O que você achou dos produtos de maquiagem da MAC? Comente!

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest

Compartilhe!

Seus amigos vão adorar!