15 Dicas para Cabelos Oleosos: na Raiz, Inverno, Verão

Publicidade

mulheres que enfrentam algumas dificuldades com os cabelos. Lidar com cabelos oleosos é uma delas. Porém, observando pelo lado bom, podemos transformar essa dificuldade em oportunidade de entender e cuidar melhor do cabelo!

Aqui você irá entender porque eles ficam dessa forma, como evitar e como cuidar. Continue lendo!

Por que os cabelos ficam oleosos?

Quem tem cabelos oleosos acaba tendo que ter mais trabalho por causa da quantidade de vezes para cuidar dos fios. A exposição ao sol e a alimentação podem fazer com que você tenha que ter mais trabalho – isso porque esses fatores influenciam na glândula sebácea. Quanto mais exposição ao sol e alimentação ruim, mais os cabelos e a pele ficaram oleosos.

Stress também influencia muito na produção dessa glândula, assim como o uso de cosméticos á base de óleo e a água quente.

Os cabelos oleosos ficam mais pesados e com aspecto sujo, o que não é nada bom para a aparência!

Os cabelos lisos são mais vulneráveis a apresentar o problema devido a facilidade de o óleo escorrer mais facilmente.

Uma dica importante! Secador e chapinha não interferem no aumento da oleosidade. O que pode aumentar é a aplicação de cremes na raiz e quando fizer o uso desses instrumentos ele ser repassado ao resto do cabelo.

Há vantagem em ter cabelo oleoso?

De que adianta os ficou ficarem menos cheios e mais fáceis de pentear se para isso eles devem estar sem brilho, produzir problemas como a caspa e gerar acne? Não há nada de positivo em ter cabelos oleosos.

Dicas Contra Oleosidade

Uma maneira de lidar com os cabelos oleosos é lavando um dia sim e um dia não. Mas ainda assim quando a oleosidade é excessiva, há mais maneiras de driblar esse problema. Com toda a modernidade, há produtos no mercado que ajudam a controlar, como xampus adstringentes e cremes esfoliantes para os fios e couro cabeludo. É mais seguro do que tentar técnicas que são muito prováveis em serem mitos.

  • Evite passar a mão nos cabelos com frequência porque os resíduos que costumam estar presentes nas mãos, aumentam a oleosidade deixando com um aspecto mais gorduroso.
  • Passar talco é ótimo para disfarçar o problema, pois disfarça o efeito oleoso. Como há algumas chances de apresentar alergia, é bom testar antes.
  • Evite dormir com os cabelos molhados.
  • Manter os cabelos soltos é bom para manter a ventilação.
  • Usar leave-in, hidratantes e condicionadores deve ser da metade da raiz até as pontas.

Como lavar os cabelos oleosos passo a passo

Para a lavagem dos fios oleosos, deve-se evitar água quente na lavagem porque ela resseca os cabelos e estimula a produção de oleosidade. Não há problema em lavar diariamente ainda que algumas pessoas recomendem em dias alternados (você que irá saber de acordo com sua necessidade). Quando for secar, use toalha, porém se preferir o secador opte por usar em uma temperatura mais baixa.

Mitos Sobre Cabelos Oleosos

Não pode usar leave-in – essa é uma mentira. O leave-in pode ser usado desde que não passe na raiz do cabelo. O ideal é passar do meio até as pontas.

Cabelos oleosos não crescem mais rápido – O que está ligado ao crescimento do cabelo é apenas o DNA. Se forem secos ou oleosos não interferem nessa questão.

Só quem tem cabelo oleoso da caspa – é mais uma mentira. As caspas vêm de problemas com o couro cabeludo, porém o excesso da oleosidade pode favorecer ao aparecimento do problema.

Lenços, chapéus e bonés aumentam a oleosidade – Por causa do abafamento e do calor, a produção do óleo aumenta, então evitar esses acessórios é imprescindível.

Não precisam de hidratação – Claro que precisam! Principalmente para ajudar contra a oleosidade e contra o enfraquecimento dos fios.

Tratamentos

Podem ser feitos tratamentos para descobrir a causa da oleosidade. Procurar um médico clínico pode ajudar com os exames. Se o problema for hormonal, o médico pode indicar uma pílula anticoncepcional para normalizar. Podem ser descobertas produções do hormônio masculino que aumenta a oleosidade também. De qualquer forma, apenas um médico pode indicar qual é a causa do problema para indicar um tratamento adequado. Por isso se sua oleosidade for bastante, difícil de controlar ou incomoda muito, o ideal é buscar uma ajuda especializada ao invés de passar muito tempo tentando diversas técnicas.

Tem dúvidas? Deixe um comentário!

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest

Compartilhe!

Seus amigos vão adorar!