8 DICAS de como Escolher a Bolsa Maternidade Ideal

Publicidade

A maioria das mulheres é louca por bolsas e adora compor o look combinando essa peça super estratégica. E quando viramos mamães continuamos a ter um gosto extremamente apurado para esse item, com a diferença que não vai dar para ter vários modelos de bolsa maternidade no armário, visto que é um acessório que você usa somente nos 2 primeiros anos de vida do bebê. A bolsa maternidade acaba por ser um item obrigatório do enxoval de bebê e por isso é muito importante que ela seja funcional, prática e organizada.

bolsa maternidade

Então, nesse momento, a escolha da Bolsa Maternidade passa a ser um desafio para um grande número de mulheres.

Para que os passeios sejam prazerosos e tranquilos é muito importante prestar atenção em algumas facilidades como formato, espaço interno, escolha do tecido e durabilidade.

Nesse texto vamos te dar uma força com dicas e estratégias para escolher a bolsa maternidade perfeita para o seu estilo:

1) A bolsa do bebê deve ser versátil e útil e para isso é importante que ela tenha muitas, muitas, divisórias. Assim você consegue organizar todos os itens e ter fácil acesso a eles. Caso você se apaixone perdidamente por um modelo que não tenha muitas divisórias pode optar por saquinhos ou também nécessaires de variados tamanhos. Lembre-se que o ideal é que você utilize a bolsa do bebê como sendo a sua também. Então não esqueça de verificar se o modelo escolhido possui compartimentos para guardar sua carteira, celular e chaves do carro.

2) Escolha modelos com tecidos leves, material mais resistente e de fácil limpeza. Os modelos com material sintético são mais fáceis de limpar e também tem a vantagem de sujarem menos, principalmente se a escolha for por cores mais escuras. Lembre-se que tons mais neutros combinam com tudo e não comprometem o look escolhido.

3) Outra dica bacana são as bolsas com compartimentos térmicos, assim você não precisa ficar carregando lancheirinhas ou porta mamadeiras térmicos nas saídas mais longas com o bebê.

4) Também existem modelos impermeáveis que são ótimos para quando o bebê está maiorzinho e já derrama líquidos na bolsa da mamãe.

5) As bolsas com diversos tipos de alça são muito práticas e úteis, pois normalmente as bolsas acabam ficando pesadas e alças largas e reguláveis nos ajudam muito na hora de carregar todo esse peso. Alças transversais também são uma boa pedida para pendurar no carrinho de bebê. Caso você opte por uma bolsa com alça curta também existem clips que podem ser acoplados aos carrinhos para facilitar.

6) Também existem conjuntos de bolsas com tamanhos variados para tipos de passeios diferenciados.

  • Um bolsa P para saídas rápidas (ida ao parquinho, padaria, etc),
  • Uma bolsa M para saídas mais longas (shopping, pediatra, casa da vovó, etc)
  • Uma bolsa G para a maternidade e pequenas viagens.

Se tiver que optar por apenas um tamanho escolha a Média que será a que você mais vai utilizar com boa quantidade de divisórias, bom espaço interno e espaço térmico.

7) A maioria dos modelos vem com trocador acompanhando. Esse é um item indispensável. Portanto, caso o modelo escolhido não venha com trocador não esqueça de adquirir um a parte.

8) Agora vamos listar os itens que você mais vai levar em sua bolsa maternidade. Lembrando que esses itens vão variar conforme a idade do bebê. Quando são mais novinhos o número de peças é bem maior e conforme vão crescendo a quantidade tende a diminuir e algumas mamães optam em até trocar a bolsa por uma mochila mais descolada:

  • Pelo menos 1 casaquinho
  • Roupinhas de bebê de frio, de calor, meia estação… nunca se sabe o que você vai precisar quando sai com um bebê
  • Cueiro (pode servir como uma manta leve, pode servir para forrar o trocador na hora da troca de fraldas e pode servir até como toalha caso tenha que dar um banho de torneira no pequeno por conta de “acidentes” bem comuns)
  • Fraldinha de ombro para hora de colocar para arrotar
  • Fraldinha de boca para limpar as babinhas e também um regurgito
  • Gorro ou chapéu de sol (dependendo da estação)
  • Fraldas descartáveis (o número vai depender da duração do passeio)
  • Lencinho umedecido, não só para a troca de fraldas como para diversas outras utilidades
  • Álcool gel para limpar a sua mão e a do bebê
  • Pomada para assaduras
  • Trocador portátil (aquele que normalmente vem com a bolsa)
  • Chupetas e mamadeiras (caso o bebê use). No caso da mamadeira tem a água e o pó do leite que devem ser levados separados e as chupetas esterilizadas também podem ser colocadas em um porta chupetas para separar as limpas das usadas ou que caíram no chão.
  • Papinha ou frutinha com seus devidos acessórios como colherzinhas, potinhos e pratinhos.
  • Mordedores e alguns brinquedinhos para o bebê
  • Protetor solar e repelente
  • Saquinhos de roupa suja para separar das roupinhas ainda limpas
  • Pertences da mamãe como celular, carteira, documento do carro e chaves

Ufa… pensou que era fácil sair por aí com um bebê? Rsrsrsrs

Espero que essas dicas possam te ajudar a escolher o melhor modelo de bolsa maternidade para o seu estilo.

Sou Marília Tannuri Verni, mãe de 2 meninos (Ian – 11 anos e Lorenzo – 4 anos), publicitária, idealizadora do Portal Grávida em Campinas e Proprietária da loja infantil on line Petit Papillon Bebê & Criança. Uma apaixonada pelo universo infantil e por todas as chances que a maternidade nos proporciona.

Este artigo te ajudou? Esperamos que sim! Compartilhe isso para o mundo: Obrigada! 😘

Comente! Pergunte! Relate! Sugira!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest