Espinha Interna: o que é, porque aparece e como cuidar

Publicidade

O que é? Qual a diferença entre a espinha comum e a espinha interna?
Se tem uma coisa que todo mundo concorda, é que as espinhas são motivo de terror. Elas geralmente aparecem em adolescentes, mas também podem se estender pela vida adulta. As espinhas podem se apresentar de duas maneiras: a espinha comum e a espinha interna. No caso da espinha comum, ela fica na parte de externa do rosto e pode vir acompanhada de pus ou não. Já a espinha interna, fica na parte de baixo da pele, causando apenas um vermelhidão na parte de fora.

espinha interna

Por que as espinhas aparecem?
Seu surgimento ocorre devido a alta produção das glândulas sebáceas. Essa alta produção obstrui os poros, o que resulta em uma inflamação. Esse processo é o que acontece com as espinhas comuns. No caso da espinha interna, o processo é o mesmo, com a diferença de que ela fica debaixo da pele, tem mais profundidade, geralmente é mais dolorosa e o também demora um tempo maior para sumir.

espinha interna

Por que a espinha interna é mais difícil de tratar do que a espinha comum?
Primeiramente porque elas não ficam na superfície da pele, como a espinha comum. Outro fator que a deixa ainda mais difícil de tratar, é que elas são bem mais doloridas e a chance de ocorrer uma inflamação é ainda maior.

espinhas internas

O que pode causar as espinhas internas e comuns?
As causas podem depender de vários fatores, isso inclui: genética, uso contínuo de produtos muito oleosos e mudança hormonal.

Como mandar embora a espinha interna?
O primeiro ponto é: nunca tente espremer uma espinha interna. Dificilmente esse método funcionará, você sentirá muita dor e pode deixar o quadro ainda pior, resultando em cicatrizes bem feias. Dependendo da gravidade da situação, elas precisam de um tratamento à base de antibióticos ou até mesmo outros remédios mais fortes. Por isso, se o problema persistir durante um bom tempo, o indicado é que você procure um dermatologista. Ele indicará a você o tratamento ideal.

como cuidar de acne

Leia sobre espinhas gigantes

Truques caseiros que vão te ajudar a se livrar das espinhas internas

A dica principal é que você procure um médico, mas existem alguns métodos caseiros que funcionam para muita gente. Detalhe: não se esqueça da valiosa dica que demos a você: NUNCA esprema suas espinhas, se você não quer vê-las piorar. Vamos as dicas caseiras!

dicas de beleza

1ª Dica:
Pegue um algodão e molhe-o na água quente (quente, não fervendo!). Depois que o algodão estiver molhado, coloque-o sobre a espinha interna que está te incomodando e deixe por alguns minutos. Quando a água do algodão esfriar, repita o procedimento. Siga essa dica pelo menos duas vezes ao dia, até que a espinha suma de vez.

o melhor para você

2ª Dica:
Use o vapor a seu favor! Deixe a água ferver bastante e coloque-a dentro de uma bacia. Faça com que a espinha fique próxima do vapor e isso ajudará muito em sua eliminação. Por que isso ocorre? Porque o vapor tem o mesmo efeito do algodão, ele abre os poros. Dessa forma, a espinha sairá mais facilmente. Com esse método, você elimina não só as espinhas, como também os cravinhos do rosto.

acne interna

3ª Dica:
A esfoliação pode ser uma arma e tanto na luta contra o aparecimento das espinhas internas. Faça uma suave esfoliação pelo menos uma vez na semana. Dessa forma, você elimina as células mortas. Existem muitos produtos específicos para esfoliação, como cremes, sabonetes e outros cosméticos. Procure saber quais são os mais indicados para seu tipo de pele e aposte neles.

mais você

Leia também sobre limpeza facial

Como Evitar o Surgimento de Espinhas

mais bonita

Prevenir é melhor do que remediar. Esse ditado também funciona para casos como este, afinal, o aparecimento das espinhas pode acontecer devido a pequenos cuidados que deixamos de tomar. Vamos listar pequenas ações que você pode inserir no seu cotidiano, elas deixarão sua pele mais cuidada e menos propensa ao aparecimento da acne.

  1. Cuide de sua alimentação! Quanto mais você consumir alimentos ricos em gorduras e açúcares, mais glândulas sebáceas seu corpo produzirá e mais você estará sujeito a ter espinhas internas. Então, atente-se a este fato.
  2. Lave sempre o rosto. Manter um cuidado básico com seu rosto, lavando-o uma vez ao dia com o sabonete mais indicado para seu tipo de pele, ajudará você a se prevenir da acne.
  3. Evite o uso de produtos oleosos. Cremes, loções e óleos ajudarão sua pele ficar ainda mais oleosa e resultará em espinhas. Dê preferência aos produtos em gel, que deixarão sua pele bem cuidada e sequinha.
  4. Compressas de camomila. A camomila, por ser anti-inflamatória, ajuda bastante na prevenção da acne. Então, de vez em quando, prepare compressas e deixe-a alguns minutinhos no rosto. Ajudará e muito na prevenção.

Não se esqueça: se o problema for contínuo, procure um médico para que ele possa lhe indicar o tratamento mais eficaz para sua pele.

Você tem alguma dúvida sobre como tratar de espinhas internas? Deixe um comentário!

One Comment

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest

Compartilhe!

Seus amigos vão adorar!